Intoxicação do gado por mamona

Aprenda um pouco mais sobre a mamona e como ela pode ser prejudicial ao seu gado

 

Os prejuízos que plantas tóxicas causam à pecuária são frequentemente apontados, não só no Brasil, mas também no exterior.

 

 

A criação de gado é uma atividade de suma importância no processo de desenvolvimento socioeconômico do Brasil. No entanto, enfrenta vários problemas ligados à saúde dos animais, devido, entre outros fatores, à existência de plantas tóxicas nas pastagens, naturais e cultivadas, em várias regiões do Brasil. Uma delas é a mamona.

 

As partes tóxicas da mamona são as folhas (principalmente murchas), e as sementes da mesma. O princípio tóxico presente na mamona é uma proteína denominada ricina, existente na semente da planta. Os animais sensíveis à ingestão desse fruto são: bovinos, caprinos, ovinos, equinos, suínos, coelhos e aves.

Os bovinos procuram as folhas da planta por fome. A dose letal é 20 g por quilo de peso vivo do animal, ingeridas de uma só vez. Nessa quantidade, as folhas quase sempre causam a morte de bovinos. Vale ressaltar que a planta é mais tóxica no auge da seca. Já a maioria dos casos de intoxicação por sementes ocorre devido à ingestão pelos animais de alimentos que sofreram a adição acidental ou intencional de sementes ou de resíduos da mamona.

Os sintomas, após a ingestão das folhas, surgem de 3 a 6 horas. Esses são de ordem neuromuscular. Os animais ficam desequilibrados, deitam-se, têm tremores musculares, apresentando, também, salivação excessiva, arrotos e recuperação ou morte rápida. Quando ingerem sementes, os sintomas nos animais aparecem em algumas horas e em até 2 e 3 dias. A evolução é aguda ou subaguda. Nota-se perda de apetite, diarreia quase sempre sanguinolenta, fraqueza, apatia e morte.

O tratamento da intoxicação por folhas da mamona ainda é desconhecido, entretanto, para a intoxicação por sementes, o tratamento consiste na aplicação, por via oral, de mucilagem e de taninos e, por via parietal, de glicose, extratos hemáticos e excitantes nervosos.

O melhor, em todos os casos, é evitar que os bovinos famintos invadam plantações de mamonas, cercando essas áreas. Já para prevenir a intoxicação por sementes, deve-se evitar a contaminação dos alimentos pelas sementes ou outras partes da planta.

Curioso para saber mais? Então basta adquirir o livro Plantas Tóxicas – Inimigo Indigesto, do autor Sebastião Silva, e distribuído pela Aprenda Fácil Editora. Este livro tem como objetivo reunir informações necessárias para o reconhecimento das plantas tóxicas. Além disso, informa sobre onde elas são encontradas, os animais mais sensíveis, as condições para intoxicação, sintomas, diagnósticos, tratamentos, cuidados e como prevenir seus efeitos no rebanho.

Receba Mais Informações

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Aprenda Fácil Editora © 2002 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130, Ramos - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 05.052.622/0001-87

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade