Saiba um pouco mais sobre cor dos canários

A cor dos canários é obtida pela espécie, por meio da combinação de dois tipos de pigmentos depositados (ou não) na plumagem

Saiba um pouco mais sobre cor dos canários

 

A cor dos canários é obtida pela espécie, por meio da combinação de dois tipos de pigmentos presentes ou ausentes na plumagem. São eles o lipocromo e a melanina. O primeiro é um pigmento vegetal retirado dos alimentos que fazem parte da dieta dos canários. Há apenas dois tipos de lipocromo, que se depositam na plumagem: o amarelo e o vermelho. No canário branco e no albino, o lipocromo é ausente.

Já a melanina é um pigmento produzido pelo organismo do canário. Sua coloração pode ser negra ou marrom. Existem a eumelanina (negra e marrom) e a feomelanina (apenas marrom). “A eumelanina se apresenta nas regiões centrais das penas seguindo o eixo, como estrias ou escamas. A feomelanina se apresenta nas bordas das penas, com tonalidade marrom intensa”, afirma Fábio Morais Hosken, autor do Livro Criação de Canários de Cor da Aprenda Fácil Editora.

No universo dos canários, as cores são determinantes para a classificação dos exemplares. Há três cores: branco, amarelo e vermelho; quatro tipos: negro marrom oxidado (azul, verde e cobre), ágata, isabel e canela; e três categorias: intenso, nevado e mosaico.


Cores tradicionais:

Canários amarelos: apresentam amarelo visível nas penas, sejam eles pertencentes à linha clara ou escura.
Canários brancos: apresentam branco visível nas penas, sejam eles pertencentes à linha clara ou escura.
Canários vermelhos: apresentam vermelho visível nas penas, sejam eles pertencentes à linha clara ou escura.


Novas cores podem surgir:

Recessivo: em canários de lipocromo branco por ausência de lipocromo amarelo.
Marfim: esmaecimento da intensidade por inibição parcial do lipocromo.
Pastel: em canários da linha escura por redução e dispersão do negro e do marrom.
Opalino: em canários da linha escura por uma oxidação e inversão das melaninas negras.


São possíveis as combinações:

Recessivo com pastel e opalino.
Marfim com pastel e opalino.


Fatores ligados ao sexo e sexo livre:

Ino: canários de olhos vermelhos da linha clara nos lipocromos amarelos, brancos e vermelhos (ligado ao sexo e sexo livre).
Acetinado: canários de olhos vermelhos das linhas clara e escura (ligado ao sexo).
Feo Ino: canários de olhos vermelhos da linha escura (sexo livre).


Dentre os Inos mais claros, temos:

Acetinado linha clara: albinos, lutinos e rubinos.
Acetinados linha escura: prateados, amarelos e vermelhos.
Feo Ino (apenas na linha escura): albinos, lutinos e rubinos.


Quais as categorias?

Intenso: cor uniforme por todo corpo.
Nevado: névoa por todo o corpo.
Mosaico: regiões demarcadas e distintas entre machos e fêmeas.


Conheça os Livros da Aprenda Fácil Editora da Área Animais Silvestres e Exóticos.

Fonte: canariosbelga.com.br

Por Andréa Oliveira.

 

Livros Relacionados

Criação de Curiós e Bicudos

Livro

Criação de Curiós e Bicudos

R$ 46,00 à vista ou em até 12x de R$ 3,83 sem juros no cartão + frete
Saiba mais

Criação de Canário da Terra

Livro

Criação de Canário da Terra

R$ 46,00 à vista ou em até 12x de R$ 3,83 sem juros no cartão + frete
Saiba mais

Criação de Canários de Cor

Livro

Criação de Canários de Cor

R$ 46,00 à vista ou em até 12x de R$ 3,83 sem juros no cartão + frete
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

Receba Mais Informações

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Aprenda Fácil Editora © 2002 - 2018. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130, Ramos - Viçosa - MG / CEP: 36570-254
CNPJ: 05.052.622/0001-87

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade