Mudanças Climáticas

Entenda o que está acontecendo com o nosso planeta

 

O volume de água nos mares está crescendo.


O mundo vem passando por mudanças climáticas grandes. Os noticiários mostram problemas em todo lugar, assim como inundações, derretimento de calotas polares, tsunamis, catástrofes. Tudo isso tem um motivo, e este está ligado diretamente a cada cidadão.

 

Mas como você, uma pessoa que não quer mal a uma mosca, pode ter a ver com todo esse problemão? Bem, as principais causas das mudanças climáticas são devido ao aumento de gases na atmosfera, derrubadas de florestas, entre outros. Agora pare para pensar: Onde está sua contribuição para isso?

 

Você usa carro à gasolina? Recicla seu lixo? Sua contribuição nesse estrondoso problema climático está aí. Os gases que têm aumentado o efeito estufa vêm principalmente dos canos de descarga dos carros movidos a combustível fóssil, ou seja, petróleo, de onde vem a gasolina. E quanto ao papel que você não recicla? As árvores produzem celulose, portanto é daí que vem o papel branquinho que você usa, no colégio ou na impressão de documentos.

 

O desmatamento de nossas florestas muda a estrutura do planeta.



Nossos recursos naturais foram e ainda são utilizados massivamente, sem reposição. Esses recursos são imprescindíveis para a estrutura do mundo, assim como o conhecemos. Qualquer mudança muito brusca, assim como o grande desmatamento de nossas florestas, pode modificar e muito a estrutura do planeta.

 

Bem, o clima é uma sucessão de mudanças do tempo, o que ocorre naturalmente durante o ano. Mas o grande problema é o aquecimento global. Este se caracteriza pelo aumento da quantidade de calor da Terra. Em suma, o que vem ocorrendo é a quantidade de energia que entra (via radiação solar) e sai (via calor) da Terra.

 

A regulação da temperatura da Terra ocorre de diversas maneiras. Os componentes principais são os seguintes:

 

 

Os componentes interagem para regular a temperatura terrestre.


Atmosfera: Camada de ar, finíssima, que envolve o planeta. É na parte chamada estratosfera, constituinte da atmosfera, que fica a tão conhecida camada de ozônio.

 

Hidrosfera: Constituída pelos oceanos e rios.

 

Criosfera: Referente às camadas de gelo e neve.

 

Superfície Terrestre: Onde se situam os seres vivos.

 

 

 

Além desses, a radiação solar é outro componente que regula a temperatura terrestre. Os quatro componentes referidos anteriormente se relacionam diretamente com a radiação solar. O clima é o resultado da interação entre tais componentes.

 

Várias coisas podem influenciar mudanças nessa interação. Atividade vulcânica é um exemplo de fator que poderia contribuir para mudanças climáticas, mas o que mais tem alterado a interação normal dos componentes da Terra é a produção de gases advindos de fósseis e aerossóis. Mas como eles poderiam atrapalhar? Quando eles são expelidos para a atmosfera, interagem com o gás natural que envolve o planeta, modificando a concentração deste. É aí que os buracos da camada de ozônio são feitos.

 

O gás que circunda a Terra tem o efeito de um vidro. Quando as ondas da radiação solar batem nesse vidro as ondas mais longas são refletidas, mas muita radiação entra também, o que é normal. Quando essas ondas encontram com a nossa superfície, novamente são refletidas, mas ao encontrar o vidro algumas saem, e outras se mantêm entre o gás que circunda a Terra e nossa superfície. Se isso não ocorresse nosso planeta seria completamente frio. Essa é uma condição normal da Terra. Mas com os gases que saem da superfície da Terra, como a fumaça que sai das fábricas, e ficam junto à camada de ozônio, ocorrem mudanças na concentração da mesma, abrindo espaço nela para a entrada de muitas ondas de radiação a mais, e não deixando estas serem refletidas de volta. O que aquece cada vez mais o nosso planeta é a grande concentração de calor da radiação que entra, mas não consegue sair.


Enquanto os gases prejudiciais crescem em quantidade na atmosfera, o gás ozônio continua

 

Os gases prejudiciais modificam a concentração do gás ozônio na atmosfera.


estável, não conseguindo disputar espaço com os primeiros. A temperatura terrestre cresce a cada ano. Desde 1850 já aumentou 0,76ºC, e nas regiões do Ártico aumentou 2ºC. Não parece tanta coisa, mas essa mudança de temperatura traz várias consequências.

 

Algumas mudanças podem ser vistas através do aumento do volume de água dos nossos oceanos, elevada precipitação de água, aumento de temperatura em regiões do mundo que normalmente não se tinha tal fenômeno.

 

O mundo é um sistema intercalado. Se uma coisa acontece no Japão, dependendo da magnitude, poderá ser sentido aqui no Brasil. Imagine que a temperatura aumentou e isso ocasionou o aumento de volume de águas. Tendo mais água, somada ao calor, ocorre maior volume de água no estado de vapor. Quando a água está nesse estado, a tendência é a precipitação. Mais chuvas então. A concentração de chuvas em alguns pontos intensifica a seca em outros. Você tem visto isso sendo noticiado?


 

Faça sua parte para modificarmos o atual quadro do nosso planeta.


Se a resposta for sim, agora você compreendeu o problema que estamos enfrentando. Mas o que devemos fazer? Inicialmente, diminuir a emissão de gases. A tecnologia vai entrar nessa briga como grande aliada, trazendo alternativas de energia, que consequentemente diminuiriam essa emissão. Mas não somente os cientistas que poderão ajudar nessa briga. Você pode e deve ajudar. Sabe aquela árvore que seria usada para fabricar sua agenda nova? Diga não e compre uma com papel reciclado, ou separe seu lixo. São exemplos de coisas pequenas que podem fazer grandes ações.




Por: Raquel Torres C. Bressan

 

O mundo vem passando por mudanças climáticas grandes. Os noticiários mostram problemas em todo lugar, assim como inundações, derretimento de calotas polares, tsunamis, catástrofes. Tudo isso tem um motivo, e este está ligado diretamente a cada cidadão.

 

Mas como você, uma pessoa que não quer mal a uma mosca, pode ter a ver com todo esse problemão? Bem, as principais causas das mudanças climáticas são devido ao aumento de gases na atmosfera, derrubadas de florestas, entre outros. Agora pare para pensar: Onde está sua contribuição para isso?

 

Você usa carro à gasolina? Recicla seu lixo? Sua contribuição nesse estrondoso problema climático está aí. Os gases que têm aumentado o efeito estufa vêm principalmente dos canos de descarga dos carros movidos a combustível fóssil, ou seja, petróleo, de onde vem a gasolina. E quanto ao papel que você não recicla? As árvores produzem celulose, portanto é daí que vem o papel branquinho que você usa, no colégio ou na impressão de documentos.

Receba Mais Informações

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Aprenda Fácil Editora © 2002 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130, Ramos - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 05.052.622/0001-87

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade