Livro atualizado: Manual Prático de Jardinagem

Conheça um pouco da história da jardinagem

Jardim florido

O Manual Prático de Jardinagem é indispensável para a implantação de um belo jardim. Como o próprio nome já diz, o autor apresenta de forma prática todos os fatores que influenciam na composição de um jardim, conceitos e técnicas, utilizando uma linguagem acessível e com várias ilustrações. Além disso, com esse manual, o leitor conhece os mais diversos tipos de plantas ornamentais e os cuidados com cada grupo: arbustos, trepadeiras, aquáticas, etc.


Histórico da Jardinagem


Segundo a tradição bíblica, foi em um jardim que Deus fez a criação humana. Há mais de 500 anos, os chineses construíram belos jardins e os povoaram de arbustos e flores cuidadosamente cultivadas. Gravuras em pedras, com plantas e vasos, ainda podem ser observadas nas ruínas do palácio de Hatsheput, imperador que reinou no Egito de 1503 a 1482 a.C.

Os famosos Jardins Suspensos da Babilônia, mandados construir pelo rei Nabucodonosor, em honra à sua esposa Semíramis, são considerados uma das sete maravilhas do mundo antigo. Salomão, rei de Israel, foi considerado um brilhante jardineiro.

Na Grécia antiga, encontramos as origens dos jardins concebidos com despreocupação de forma geométrica e dotados de maior contato com a natureza. Deles, nos ficaram descrições lendárias do célebre jardim das Hespérides, onde se cultivavam árvores que produziam “pomos de ouro”.

Os legionários romanos levavam consigo plantas vivas em seus deslocamentos, ou porque eram úteis como medicinais, ou porque serviam como recordação de sua terra. Dessa forma, a bela açucena de flores brancas, símbolo da pureza, foi transportada pelos soldados, de acampamento em acampamento, até chegar a ser difundida por toda a Europa.

Durante a idade média, assim como todos os ramos do saber, as técnicas de cultivo estavam nas mãos dos monges. Mas, ao longo da história, aos poucos, o cultivo de plantas deixou de ser privilégio de classes ricas e de imperadores, passando a levar o seu colorido e a sua beleza para os tristes e desolados pardieiros da Revolução Industrial.  No século XIX, as plantas converteram-se em elementos essenciais de muitos ambientes. Vasos de palmeiras não podiam faltar nos salões elegantes.

No Brasil, o início da jardinagem coincide com a chegada de D. João VI, que principiou a urbanização do Rio de Janeiro e fundou o Real Horto, hoje Jardim Botânico, que, inicialmente, teve por finalidade a produção de mudas. Para lá, foram enviadas espécies de diversas partes do mundo que, uma vez multiplicadas, espalharam-se pelo país. Com D. João VI, foram criados, ainda, os hortos de Ouro Preto, Pará, Pernambuco e São Paulo.



Confira nosso Manual Prático de Jardinagem atualizado!



por Renato Rodrigues

Livros Relacionados

Manual Prático de Jardinagem

Livro

Manual Prático de Jardinagem

R$ 54,00 à vista ou em até 12x de R$ 4,50 sem juros no cartão + frete
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

Receba Mais Informações

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Aprenda Fácil Editora © 2002 - 2018. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130, Ramos - Viçosa - MG / CEP: 36570-254
CNPJ: 05.052.622/0001-87

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade