Tipos de gramíneas existentes em uma propriedade rural

Saiba mais sobre a classificação de gramíneas voltadas para pastagens, e conheça a divisão de quatro grupos de espécies quanto ao hábito de crescimento

 

Gramíneas são classificadas em quatro grupos com relação ao nível de crescimento.

 

O nível de exploração animal que o produtor rural pretende impor a suas áreas de pastagens determina qual o tipo de gramínea deverá ser plantada. Com relação ao hábito de crescimento, existem quatro grupos distintos de gramíneas que possuem características que devem ser levadas em consideração na hora da formação de pastagens.



De acordo com especialistas, as espécies do tipo decumbentes tem um bom desenvolvimento, mas acabam se prostrando ao chão e se fechando totalmente. É boa para terrenos com altas declividades e sujeitos a erosões. A altura da gema de crescimento desse tipo de gramínea é baixa, portanto, aceita manejo bem baixo também.


Seguindo a lista de classificação, estoloníferas são aquelas que também aceitam manejos mais baixos. Um estolão é uma brotação que se desenvolve sobre a terra e vai se enraizando gradativamente. Por esse motivo, é muito indicado para gramar o terreno e evitar erosões no solo.


As do tipo touceiras, são gramíneas que tendem a apresentar crescimento vertical. Chegam a


Decumbentes, estoloníferas, touceiras e rizomatosas são classificaçãos dadas as gramíneas.


atingir mais de um metro de altura e formam touceiras, deixando o solo muitas vezes a mostra. Logo, é o tipo não recomendado para terrenos de alta declividade, pois a água pode correr no meio das touceiras e provocar erosão, diferentemente das espécies classificadas como decumbentes.



Já as pertencentes à classificação rizomatoso, se destacam por ser um tipo de gramínea muito

utilizada no pastejo de equinos. Rizoma é uma brotação que se desenvolve por debaixo da terra. Também vai se enraizando aos poucos e se gramando no solo com o passar do tempo.



A grande maioria dessas espécies de gramíneas vieram da África, no tempo dos navios negreiros. o capim era jogado ao chão, no porão dos navios, servindo de cama para os escravos dormirem. Quando essas embarcações aqui chegavam, os capins eram lançados fora e junto iam as suas sementes.



O engenheiro agrônomo Wagner Pires, em seu livro Manual de Pastagem – Formação, Manejo e Recuperação, editado pela AFE - Aprenda Fácil Editora, traz em sua obra os principais tipos de gramíneas existente no mercado de acordo com a classificação feita acima. O autor procurou reunir informações que transmitam de forma simples como produzir mais, com melhor qualidade e, ainda, com um custo compatível com os padrões internacionais.

Receba Mais Informações

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Aprenda Fácil Editora © 2002 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130, Ramos - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 05.052.622/0001-87

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade