A arte de cultivar um bonsai

Cultivar um bonsai em casa pode ser a alternativa para quem gosta de plantas, mas não tem muito espaço

Bonsai

Se você mora em apartamento ou numa casa pequena e gosta de plantas, te apresentamos o bonsai. Vindo da China, seu nome significa “árvore em bandeja”. Ele tem a função de ser uma árvore em miniatura, conservando as características originais de uma árvore da natureza. Haja vista que não precisam de muito espaço, os bonsais são ideais para enfeitar ambientes e dar um tom mais moderno à sua casa.

Porém, o bonsai é mais que uma planta. De acordo com Vânia Moreira Fortes, autora do Livro Bonsai – Técnicas e Arte, Passo a Passo, “[…] [o bonsai é] uma expressão artística, cuja beleza dependerá sempre do cuidado, da atenção e do talento do cultivador.”.

Além de árvores, existem bonsais de flores e frutos, que podem ser facilmente cultivados em vasos. Ao adquirir um, você deve conferir se as características da planta se adaptam ao lugar que você reservou pra ela. Ainda, quanto mais jovem a planta, mais cuidados são necessários. Além de regar, podar e expor a planta ao sol por algumas horas, à medida que cresce, será necessário transferi-la para um vaso maior.

Relacionamos aqui alguns passos a serem seguidos desde a compra até o cultivo de um bonsai.

O primeiro passo para ter um bonsai, é escolher qual tipo comprar. Há várias opções de plantas, como já mencionado, que podem produzir flores, frutos, trocar de folhas anualmente ou ser perenes, que são aquelas plantas que têm um ciclo de vida maior. Outra escolha que deve ser acertada, é a de uma planta sadia, que tenha firmeza no tronco e folhas verdes. Dê preferência aos recipientes originais de um bonsai, que são a cerâmica e o cimento. Vasos de plástico aquecem muito a raiz e fazem mal à planta.

Outra importante decisão é a de criar a planta dentro ou fora de casa. Se for decidido que ela viverá dentro, é importante colocá-la em um lugar onde haja maior ventilação e exposição ao sol, necessário para a sua sobrevivência. Porém, há pessoas que decidem cultivar seu bonsai na parte externa da casa. Isso é benéfico pra planta, devido à exposição ao sol e à chuva. Mas, optando pela área externa, é imprescindível colocá-la à sombra nos dias de muito calor e protegê-la no caso de invernos mais rigorosos.

No processo de regar a planta, é importante orientar-se quanto à necessidade específica da que você cultiva. Mas, seja qual for, a regra básica é molhar todo o vaso até que a água extravase pelo orifício de drenagem. Voltar a regar quando a superfície estiver levemente seca, é ideal, mas cuidando para não deixar a terra encharcada. Dica: no verão, borrife água diretamente na planta para refrescá-la e aliviar um pouco o calor.

Não é porque a planta não está sendo cultivada em ambiente doméstico que ela estará livre de pragas que atacam as plantações. Esses problemas aparecem, geralmente, por consequência de rega malfeita, falta de luz, ventilação e umidade, sendo necessário tratá-los pra que a planta se recupere. Também é válido usar adubos para fortalecê-las. Nas estações mais amenas, recomenda-se adubar a cada 15 dias; já nas mais intensas, a adubagem pode ser feita uma vez ao mês.

Poda de um Bonsai

Uma das vantagens de um bonsai é que ele pode ser modelado de acordo com a preferência de quem o cultiva. Como é uma arte, cabe ao artista dar vida a ela. Contudo, conhecer as técnicas de poda é fundamental para não destruir a planta. O tronco também pode ser modelado com arames. Essa personalização é que garante que nunca haverá um bonsai igual ao outro.

Diante da necessidade de transferência de vasos, transportá-lo para um vaso maior é essencial, pois as raízes, à medida que crescem, precisam de mais espaço. A melhor época para a transferência é no fim do inverno ou início da primavera. Plantas novas podem exigir o transplante de vaso a cada um ou dois anos. Já as mais velhas podem trocar de vaso a cada três ou cinco anos. Para trocar de recipiente, deve ser feita uma poda na raiz. Mas, é crucial procurar auxílio de um especialista em plantas, dado que um corte errado de uma raiz pode matar a planta. Logo após trocá-la, sugere-se que a planta seja deixada na sombra por 30 dias, para descanso.

Dicas para escolher o vaso que mais combine com seu bonsai:
- A delicadeza da cor do vaso deve ser proporcional à da planta escolhida.
- A cor do vaso deve contrastar com a cor de flores e frutos, quando as árvores escolhidas os produzem. Outra opção também, é comprar vasos brancos para bonsais floríferos ou frutíferos.

Conheça nossos Livros na área de Floricultura:
Bonsai – Técnica e Arte Passo a Passo  
Cultivo de Bromélias
Produção Comercial de Rosas
Crisântemos


Fonte: Gazeta do Povo – www.gazetadopovo.com.br


por Renato Rodrigues.

Receba Mais Informações

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Aprenda Fácil Editora © 2002 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130, Ramos - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 05.052.622/0001-87

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade