Cuidados com os cavalos durante o inverno

Assim como nós, humanos, os cavalos sentem a mudança de temperatura

Cavalo comendo

Com a chegada do inverno, todos sentimos a queda na temperatura. Essa queda também é propícia para a propagação de doenças causadas por vírus, como a gripe. Assim como nós, humanos, os cavalos também a sentem e estão suscetíveis a doenças como a influenza equina e a adenite, ou garrotilho, que têm maior índice de desenvolvimento com o frio e a umidade do inverno. Todas as doenças podem ser prevenidas por meio de vacinação, mas é sempre preciso estar de olho no surgimento delas.

Ainda que sejam criados a campo e estejam, teoricamente, acostumados com o frio, a atenção com os cavalos deve ser intensificada. Fique ligado nos cuidados necessários para proteger a sua criação do frio:

- Abrigo
Para protegê-los da chuva e do vento nos dias mais rigorosos, construa um abrigo. Caso você não disponha de um estábulo, um capão de mato ou um quebra-vento com taquaras é o suficiente para eles.

- Água
Os equinos não têm costume de tomar água muito gelada. Pela manhã a água dos cochos e de açudes costuma estar muito fria. O ideal é dar água no galpão onde estão abrigados antes de soltá-los para o pasto. Animais que são usados para trabalhar ou transportar necessitam de mais água. Fique atento ao fornecimento para evitar a desidratação deles.

- Atenção
Assim como nos humanos, tosse e alterações respiratórias podem evidenciar alguma doença, bem como coriza, espirros e certa apatia. Na influenza, a coriza é bem clara. Já na garrotilho, na fase mais avançada, costuma ser mais espessa e purulenta.

- Energia
Com a baixa das temperaturas, os cavalos precisam produzir energia interna a fim de manter a temperatura corporal. Elabore rações com maior nível de energia para que o organismo dos cavalos possa transformá-la em calor.

- Banho
Cavalos que são usados no dia a dia, geralmente precisam de um banho após as atividades, para tirar o suor e a sujeira. No inverno é possível manter a higienização do animal com o banho, mas nunca deixe-os passar a noite molhados. Dê um banho pela manhã para que tenham tempo para se secar durante o dia.

- Potros
O cuidado com os recém-nascidos devem ser ainda mais minucioso, pois eles, até então, não têm a capacidade de produzir energia corporal para gerar calor. Ainda estão se adaptando ao ambiente fora do corpo materno e precisam ficar em locais abrigados recebendo, além do leite da mãe, um reforço nutricional.



Conheça nossos Livros na Área de Equinos:
Cavalos – Como corrigir aprumos, ferrar e cuidar dos cascos
Capacitação de Cavalariços – Escola preparatória
Doma Racional Interativa



Fonte: Canal Rural – www.canalrural.com.br


por Renato Rodrigues

Receba Mais Informações

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Aprenda Fácil Editora © 2002 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130, Ramos - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 05.052.622/0001-87

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade