WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui e conheça nossos livros.

Doenças que prejudicam as aves: conheça a Coccidiose

A coccidiose é uma das doenças mais comuns na avicultura e pode matar as aves em poucos dias

Aves

Luiz Albino, um dos autores do Livro AFE Criação de Frango e Galinha Caipira, alerta para as principais doenças que podem acometer as aves e prejudicar a produtividade. É necessário estar atento aos sintomas e solicitar a presença de um médio veterinário para que se realize um diagnóstico mais preciso.

Dentre as doenças mais comuns na avicultura, podemos destacar a Coccidiose, causada por um protozoário e que afeta diretamente o intestino das aves. Provoca diarreia e enterite, o que resulta em menor absorção de nutrientes pelos animais e consequente queda na produtividade.

Não só as galinhas podem ser afetadas, como codornas, perus, marrecos, faisões, angolinhas, pavões, pombos e outras aves. O protozoário que se instala e parasita as células intestinais é do gênero Eimeria, como o Eimeria tenella e o Eimeria necatrix. Esses parasitas, apesar de preferirem aves mais jovens, não costumam escolher muito e podem atacar aves de diferentes idades.

Entretanto, quanto mais jovens, mais suscetíveis à doença estão e ela pode ocorrer com maior gravidade, se não tomadas as medidas profiláticas necessárias. Aves recém-nascidas são mais sensíveis à coccidiose e, por isso, requerem maior atenção.

A doença

As aves que contraem a coccidiose facilitam a entrada do protozoário ao se hidratarem ou alimentarem. Os oocistos de eimérias podem ser encontrados em águas contaminadas, em excrementos e em detritos, principalmente quando estão úmidos; e podem ser ingeridos em sua forma infestante.

Aves criadas sobre camas ou “no chão” podem contrair a doença mais facilmente do que as criadas sobre telas, uma vez que, no segundo caso, os animais não têm contato com o ambiente úmido ideal para o desenvolvimento dos protozoários causadores dessa doença.

Sintomas

Ao contraírem a coccidiose, as aves mudam o comportamento e começam a aparecer mais tristes, arrepiadas, tiristantes, com as asas caídas e amontoadas nos cantos do criadouro. A diarreia provocada pela doença é sanguinolenta e pode matar as aves em poucos dias se não tratada prontamente.

Diagnóstico

Para diagnosticar a doença, deve-se avaliar os sintomas externos, as fezes ou o conteúdo intestinal, que pode indicar a presença de oocistos. É necessário solicitar a presença de um médico veterinário. Esses oocistos são eliminados nas fezes mas não conseguem infectar uma ave imediatamente, pois precisam de um tempo para amadurecimento.

Prevenção

Garantir a limpeza do local onde as aves vivem e a higiene rigorosa, além de fornecer rações balanceadas com coccideostáticos são medidas importantes para prevenir a criação dessa doença. Ainda, aves doentes ou com suspeita devem ser mantidas longe das saudáveis, para que sejam curadas ou descartadas.

 


Conheça nossos Livros da Área Avicultura:

Criação de Frango e Galinha Caipira
Frangos de Corte – Criação, Abate e Comercialização
Galinhas Poedeiras – Criação e Alimentação

Fonte: Rural News – ruralnews.com.br
por Renato Rodrigues

Livros Relacionados

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

Receba Mais Informações

Se preferir, clique aqui e mande-nos um WhatsApp.

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)