Como preparar o solo para cultivar pupunha?

O preparo adequado do solo é importante para o sucesso do cultivo de pupunha

Frutos pupunha

A pupunha é uma planta perene que rende deliciosas receitas e contribui para a conservação do meio ambiente. Originária da região amazônica, essa palmeira foi domesticada e disseminada por povos indígenas nessa região e na América Central.

Na hora de plantar, o preparo do solo deve ser cuidadoso, pois, de acordo com Francisco Paulo Chaimsohn, autor do Livro Cultivo de Pupunha e Produção de Palmito, da Aprenda Fácil Editora, “a forma de preparar o solo dependerá de suas características físicas, químicas (principalmente matéria orgânica e acidez) e biológicas.”.

Pode-se considerar o cultivo de pupunha como uma atividade semiperene. Nesse sentido, a produtividade e a longevidade da exploração dependem, em grande parte, de um bom preparo do solo em sua implantação, já que não é possível efetuá-lo todos os anos.

Solos muito arenosos e/ou com baixo conteúdo de matéria orgânica requerem um preparo antecipado, visando aumentar os níveis dos componentes orgânicos. O que pode ser feito com o plantio e incorporação de adubos verdes em uma ou em duas safras antes do plantio da pupunha.

Por outro lado, solos muito pesados (argilosos) e/ou compactados exigem o preparo com aração e gradagem ou subsolagem, a fim de facilitar o enraizamento e o desenvolvimento das plantas de pupunha.

Em solos muito pesados, também não é aconselhável o plantio em covas, porque o “endurecimento” das paredes das mesmas dificulta o desenvolvimento de raízes e aumenta o risco de encharcamento (principalmente dentro da cova). Neste caso, o recomendado é o plantio em sulcos, feito após aração e gradagem ou subsolagem da área.

Nos locais onde ocorre déficit hídrico e/ou ventos mais ou menos intensos, pode-se utilizar um sombreamento temporário com milho ou adubos verdes de porte ereto (guandu, crotalária, etc.).

Nos solos de textura leve a média (mais arenosos), pode-se efetuar o plantio em covas com 30 x 30 x 30 cm (solos mais férteis) a 40 x 40 x 40 cm (solos mais pobres).

Em áreas declivosas, é necessário o plantio em nível para minimizar os efeitos da erosão do solo, principalmente nos dois primeiros anos após a instalação do cultivo, quando a lavoura ainda não fechou. Em terrenos planos, as linhas de plantio devem ser marcadas no sentido leste – oeste para que as plantas recebam mais luz solar.

 

Conheça nosso Livro Cultivo de Pupunha e Produção de Palmito

 

por Renato Rodrigues

Livros Relacionados

Cultivo de Pupunha e Produção de Palmito

Livro

Cultivo de Pupunha e Produção de Palmito

R$ 36,00 à vista ou em até 10x de R$ 3,60 sem juros no cartão + frete
Saiba mais

Receba Mais Informações

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Aprenda Fácil Editora © 2002 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130, Ramos - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 05.052.622/0001-87

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade