Características do Preparo de Compostos para a Agricultura Orgânica

Como se prepara os compostos para aplicar na terra que receberá a agricultura orgânica

 

A terra recomendada e a do subsolo.

 

A terra recomendada é aquela terra do subsolo, sem matéria orgânica, que fica abaixo das raízes, sob pastagem ou campo. Ela é retirada dos barrancos, geralmente utilizada em aterros. Deve-se escolher a terra que não tenha sido utilizada para fins agrícolas e não esteja contaminada por produtos químicos, pragas ou nematoides.

 

É recomendável utilizar terra de subsolo, rica em macro e micronutrientes, sem muitas raízes e pedras. As terras argilosas e avermelhadas (ou terras de matas) são as mais indicadas porque retém melhor os nutrientes. Prefira utilizar solo com maior capacidade tampão. Caso seja excessivamente argilosa, misture à terra, na proporção de 30% do seu volume, capim picado ou casca de arroz semidecomposta.

 

A relação C/N ideal é 25 a 30/1. Quando baixa (C/N <20/1), há excesso de N e S, podendo ocorrer podridão do material, devendo, então, adicionar terra ou serragem. Quando alta (C/N> 35/1), há excesso de C e falta de N, ocorre então uma decomposição lenta. Acrescente fontes ricas em N, como estercos e resíduos orgânicos.

 

Para saber o teor de umidade adequado: quando um punhado de composto for apertado na mão, se não escorrer água, mas sentir umidade, o teor é de 50 a 55%. Se soltar um pouco de água, ela terá em torno de 60%. A umidade estará acima de 60% quando, ao ser apertada a mistura na mão, esta começar a liberar água entre os dedos.

 

Neutraliza-se o excesso de umidade, misturando, à pilha, volumosos como casca de arroz ou palha de arroz picada. Para manter a umidade ideal, deve-se cobrir a pilha com folhas de bananeiras ou lona plástica. Proteger do vento, do sol e da chuva. Podem ser instalados os montes sob a sombra de árvores.


Na produção dos compostos, temperatura igual ou acima de 70°C são críticas para os


A temperatura deve ser igual ou acima de 70°C.


microrganismos úteis, pois nessas condições eles são eliminados.

 

Deve-se evitar que a temperatura do composto ultrapasse a 70oC, se isto ocorrer, esparrama-se a mistura, deixando-a assim até o dia seguinte, quando deve ser ajuntada novamente.

 

A diferença do Bokashi com os demais compostos é que sua temperatura eleva-se com apenas um dia de fermentação, devendo ser revolvido todos os dias.

 

Recomenda-se medir a temperatura constantemente. O ideal é utilizar um termômetro de cabo comprido. Caso não tiver, finca-se uma barra de ferro no monte de composto.

 

Para saber a temperatura, ao retirar a barra de ferro do composto, segure a ponta que estava fincada, caso esteja tão quente que não possa ser segurada, a temperatura do composto deve ser reduzida, portanto esparrame-a.

 

Qualidade de Composto

 

O composto orgânico, para ser utilizado, deve estar totalmente pronto, para que não ocorra fermentação no solo. O composto ficará pronto quando a temperatura começar a baixar e ficar próxima ao ambiente, distinguindo-se ainda os componentes, parcialmente decompostos.

 

A má decomposição provoca acidificação do terreno, pela retirada de oxigênio. Isto causa danos à germinação das sementes e ao desenvolvimento das raízes das plantas em crescimento. O gás metano e a amônia, formados no processo de fermentação, enfraquecem as raízes e causam má formação dos brotos.

 

O composto deve ser completamente isento de sementeiras invasoras, e livre de contaminantes químicos e biológicos. Em condições adequadas, o composto pode ser armazenado até seis meses.

 

 

 

Retirado do Livro Agricultura Orgânica

Receba Mais Informações

A Aprenda Fácil Editora garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Aprenda Fácil Editora © 2002 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130, Ramos - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 05.052.622/0001-87

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade